Havana, 26 jun (EFE).- Os casos de gripe suína confirmados em Cuba passaram de 15 para 46 na última semana, incluindo 20 crianças, segundo um relatório do ministério da Saúde Pública divulgado hoje por meios oficiais.

Dos 31 novos pacientes com o vírus AH1N1, 11 procediam dos Estados Unidos, dois do México, outros dois do Canadá e um do Chile, e os 15 restantes foram contagiados na ilha após ter contato com viajantes.

"Todos os pacientes evoluíram favoravelmente e a maioria foram dados de alta médica", diz o comunicado do Ministério cubano de Saúde Pública. EFE am/ma

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.