rebatizada de gripe A H1N1), em 29 países. O número de mortes subiu para 49, com o caso confirmado ocorrido na Costa Rica. As informações foram divulgadas no site do órgão." / gripe suína chegam a 4.379, diz OMS - Mundo - iG" / rebatizada de gripe A H1N1), em 29 países. O número de mortes subiu para 49, com o caso confirmado ocorrido na Costa Rica. As informações foram divulgadas no site do órgão." /

Casos da gripe suína chegam a 4.379, diz OMS

A Organização Mundial da Saúde (OMS) atualizou, na manhã deste domingo, para 4.379 os casos confirmados da gripe suína (http://ultimosegundo.ig.com.br/mundo/2009/04/30/oms+decide+mudar+nome+da+gripe+suina+5867916.htmlrebatizada de gripe A H1N1), em 29 países. O número de mortes subiu para 49, com o caso confirmado ocorrido na Costa Rica. As informações foram divulgadas no site do órgão.

Redação com agências |

O boletim não inclui a terceira morte confirmada pelas autoridades dos Estados Unidos.

Segundo o documento da OMS, nos EUA foram registrados 2.254 casos, sendo duas mortes; no México, os doentes somam 1.626, com 45 mortes. O Canadá tem 280 casos confirmados por laboratório, com uma morte. E a Costa Rica reportou uma morte e oito casos confirmados da nova gripe.

A OMS não recomenda restrições em viagens por causa da nova gripe, a não ser para pessoas doentes. Neste caso, o organismo sugere que as viagens sejam adiadas até que haja atendimento médico adequado. A medida, segundo a OMS, tem por objetivo evitar a propagação do vírus influenza A H1N1.

Caso nos EUA

As autoridades de saúde dos Estados Unidos confirmaram neste sábado a morte de uma terceira pessoa por causa da "gripe suína". Trata-se de um homem de entre 30 e 40 anos que tinha problemas de coração e que morreu na quinta-feira no estado de Washington como consequência do vírus AH1N1, segundo informou em comunicado o departamento de Saúde desse estado.

O vírus está presente em 44 dos 50 estados do país e os que registraram mais casos são Illinois, Wisconsin, Arizona, Nova York e Califórnia, segundo informou o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, em inglês).

O CDC alertou que prevê "mais casos, mais hospitalizações e mais mortes por este surto" nos próximos "dias e semanas" nos EUA. Mesmo assim, os 166 colégios que permanecem fechados por terem apresentado casos da gripe entre seus alunos e professores reabrirão suas portas entre segunda e terça-feira.

(Com informações da EFE)

Leia também:

" Gripe suína" no Brasil:


Entenda a "gripe suína"


Leia mais sobre gripe suína

    Leia tudo sobre: gripe suína

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG