Casa Branca reage a críticas de Karzai contra o Ocidente

WASHINGTON (Reuters) - Os Estados Unidos reagiram a comentários feitos pelo presidente afegão, Hamid Karzai, acusando o Ocidente de tentar enfraquecê-lo, disse nesta sexta-feira o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs. Obviamente alguns dos comentários do presidente Karzai são preocupantes. Eles são causa de preocupações genuínas, disse Gibbs a repórteres.

Reuters |

Na quinta-feira, Karzai acusou o Ocidente de tentar arruinar as eleições afegãs, intensificando um confronto com o Parlamento em relação à presença de observadores internacionais nas eleições parlamentares deste ano.

O presidente dos EUA, Barack Obama, fez uma rápida viagem surpresa ao Afeganistão no último final de semana para visitar tropas norte-americanas no país e conversar com Karzai.

"Estamos buscando esclarecimentos do presidente Karzai sobre a natureza de alguns de seus comentários", disse Gibbs.

"E eu acho que o presidente (Obama) foi bem claro com o presidente Karzai no final de semana quanto aos passos necessários a serem tomados para melhorar o governo e lidar com a corrupção e os demais problemas que enfrentamos lá", disse.

A reputação internacional de Karzai foi abalada no ano passado após uma comissão anti-corrupção da ONU ter anulado um terço dos votos destinados a ele nas eleições presidenciais do ano passado.

(Reportagem de Jeff Mason)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG