Casa Branca pede cautela em relação à gripe suína

A Casa Branca pediu nesta segunda-feira cautela ante a gripe suína, apesar dos prognósticos mais otimistas segundo os quais o pior da epidemia já passou.

AFP |

"A Casa Branca prossegue cautelosa e se prepara para qualquer manifestação do vírus da gripe A (H1N1)", disse Robert Gibbs, porta-voz do presidente Barack Obama.

"Sem dúvida, sempre há esperanças de que uma situação pior não ocorra. Mas é preciso estarmos preparados para qualquer eventualidade e prontos para responder", acrescentou.

Nesta segunda-feira, as autoridades sanitárias americanas avaliaram em 286 os casos de gripe suína confirmados, distribuídos em 36 estados.

Depois do anúncio do México - onde foi descoberto o foco da epidemia - de reabrir seus locais turísticos e de negócios, as autoridades americanas consideraram neste final de semana que a propagação do vírus parecia estar controlada.

Mas também advertiram que o momento crucial chegaria junto com a gripe sazonal, de outono e inverno.

Gibbs reafirmou que cientistas americanos trabalham numa vacina para combater o novo vírus A (H1N1).

jit/emm/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG