A Casa Branca condenou nesta sexta-feira os ataques terroristas no Irã, numa referência ao atentado contra uma mesquita xiita e ao ataque de homens armados contra um comitê de campanha do presidente Mahmud Ahmadinejad.

Mais cedo, o departamento de Estado havia rejeitado acusações de autoridades iranianas, que disseram acreditar no envolvimento dos Estados Unidos no atentado contra a mesquita, que deixou 25 mortos e 125 feridos.

"Os Estados Unidos condenam fortemente os recentes ataques terroristas dentro do Irã", declarou em um comunicado o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs.

"O povo americano envia suas mais profundas condolências às vítimas e suas famílias. Nenhuma causa justifica o terrorismo, e os Estados Unidos o condenam em todas as formas, em qualquer país, contra qualquer povo".

col/ap

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.