Cartas de príncipe Charles a amante são vendidas por US$ 27 mil

Londres - Uma série de seis cartas que o príncipe Charles da Inglaterra escreveu a uma amante antes de se casar com Diana foram vendidas no site de leilões eBay por cerca de 20 mil euros (US$ 27,1 mil).

EFE |

As cartas eram dirigidas à galesa Janet Jenkins, que trabalhou como recepcionista no consulado britânico na cidade de Montreal, no Canadá, e que acabou as pondo à venda agora, como informa o diário britânico "The Daily Telegraph".

Em uma delas, o herdeiro do trono britânico propõe a sua amante, quatro anos mais velha que ele, se reunir em segredo e explica que caso fossem vistos no apartamento dela, a imprensa não demoraria a chegar.

Em outra carta, de 1980 e que leva o símbolo do Castelo de Windsor, Charles escreve: "Meu secretário particular detesta a ideia de que mulheres me visitem no hotel durante minhas idas ao estrangeiro".

O príncipe diz ainda, em um tom de brincadeira: "acho que terei que me casar o mais rápido possível para que essa gente se tranquilize um pouco. Acho que a melhor solução é me casar com uma moça de cada um dos países-membros da Commonwealth".

O filho mais velho da rainha Elizabeth II, atualmente casado com Camilla Parker-Bowles, comenta em outra das cartas sobre o casamento. "Cometer um erro desse tipo, francamente, é algo que me preocupa muito", diz.

    Leia tudo sobre: príncipe charles

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG