Carlos Fernández assume como ministro da Economia da Argentina

Buenos Aires, 25 abr (EFE).- Carlos Fernández assumiu hoje como ministro da Economia da Argentina em uma breve cerimônia liderada pela presidente do país, Cristina Fernández, e que teve como grande ausente a seu antecessor no cargo, Martín Lousteau.

EFE |

O ato no qual a chefe do Estado tomou o juramento ao novo titular da pasta econômica não durou mais de cinco minutos e contou com a presença de ministros, governadores de províncias, empresários e sindicalistas.

Lousteau, de 36 anos, tinha assumido como ministro da Economia no dia 10 de dezembro do ano passado, o mesmo dia da posse de Cristina Fernández, perante quem apresentou sua renúncia nesta quinta-feira à noite.

Em sua substituição o governante designou hoje Carlos Rafael Fernández, de 54 anos e homem de extrema confiança do ex-governante Néstor Kirchner (2003-2007), esposo e antecessor de Cristina Fernández.

Horas antes de assumir como ministro da Economia - antes ele era titular da Administração Federal de Receita Pública - adiantou que "não tem que mudar nada" na política vigente.

Posteriormente, Carlos manteve uma reunião com o chefe de Gabinete, Alberto Fernández, na Casa de Governo, e depois conversou com Lousteau na sede da pasta da Fazenda. EFE hd-alm/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG