causa útil - Mundo - iG" /

Carla Bruni quer aproveitar sucesso midiático para causa útil

Paris, 28 nov (EFE).- A primeira-dama francesa, a cantora e ex-modelo Carla Bruni, quer colocar seu sucesso na mídia o serviço de uma causa útil, como a luta contra a aids, e fará isso a partir de segunda-feira, quando se tornará embaixadora mundial contra essa doença.

EFE |

"Quero aproveitar minha própria midiatização para uma causa útil", afirma a esposa do presidente francês, Nicolas Sarkozy, em entrevista à revista "Elle", que será publicada na segunda-feira, mas que foi antecipada hoje pelos principais meios de comunicação franceses.

Bruni convocou a imprensa na próxima segunda-feira, coincidindo com o Dia Mundial de Luta contra a Aids, para anunciar sua nova missão como embaixadora do fundo mundial de combate a essa doença, à tuberculosos e à malária "Estarei o mais disponível possível para os que estão no terreno" e que não estão tanto na mídia como ela, antecipa Bruni na mesma entrevista, na qual também comenta sua intenção de trabalhar para ampliar a educação na França e combater o analfabetismo.

Sobre seu papel na luta contra a aids, diz estar disposta a trabalhar em qualquer das atividades do fundo mundial, mas reconhece que espera poder se concentrar nas ações destinadas a combater a transmissão da aids de mães para filhos.

Carla Bruni pretende se comunicar com essas mães e explicar-lhes os riscos que existem.

Em um breve comunicado, a Presidência francesa anunciou na quinta-feira a entrevista coletiva que a primeira-dama fará para anunciar sua nova missão, em um hotel próximo ao Palácio do Eliseu, junto ao doutor Michel Kazatchkine, diretor-executivo do fundo mundial de luta contra a aids. EFE pi/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG