Caribe tem 1ª tempestade tropical da temporada

Tempestade tem ventos de até 65 km/h e pode atingir a costa hondurenha

EFE |

A primeira tempestade tropical da temporada de furacões do Atlântico, "Alex", formou-se neste sábado no oeste do Caribe e se dirige para o Belize e a península de Iucatã, no México. Segundo o Centro Nacional de Furacões (NHC) dos Estados Unidos, a tempestade tem ventos de até 75 km/h, desloca-se a uma velocidade de 13 km/h e pode prejudicar o combate ao derramamento de petróleo no Golfo do México .

A tempestade "Alex" está provocando chuvas em todo o território de Honduras e no Caribe, onde se mantém um alerta verde (preventivo). As maiores precipitações foram registradas na região caribenha, enquanto no centro, sul e leste estão se formando áreas de céu encoberto com chuvas que, por enquanto, não representam perigo, disse um porta-voz do Escritório de Previsões da Aeronáutica Civil.

Por sua vez, o titular da Comissão Permanente de Contingências (Copeco), Lisandro Rosales, disse que está mantido o alerta verde decretado na sexta-feira nos departamentos de Cortés, Atlántida, Colón, Gracias a Dios e Islas de la Bahía, devido às chuvas resultantes da tempestade "Alex".

Aeroportos fechados

Na ilha de Roatán e na caribenha cidade porto de La Ceiba, os aeroportos foram fechados neste sábado graças ao mau tempo, informou a Aeronáutica Civil, que não descarta que ocorra o mesmo em Tegucigalpa, centro.

Espera-se que a temporada seja extremamente ativa em 2010, com entre três e sete furacões de grande intensidade, com ventos superiores a 177 km/h.

    Leia tudo sobre: tempestade

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG