Navio com 20 tripulantes foi interceptado quando seguia de Cingapura a Mombaça

Piratas somalis sequestraram o cargueiro japonês de bandeira panamenha Izumi a 80 milhas náuticas ao nordeste do porto queniano de Mombaça, divulgou nesta segunda-feira Andrew Mwangura, diretor do Programa de Ajuda Marítima (PAM).

Mwangura indicou que o navio, com 20 tripulantes filipinos a bordo, foi interceptado no domingo quando ia de Cingapura a Mombaça. Segundo o site especializado em navegação "TradeWinds.no", não houve baixas entre a tripulação do Izumi, um cargueiro de 20 mil toneladas construído em 2007.

A Força Naval da União Europeia (Navfor), emitiu comunicado informando que está supervisionando a situação do Izumi, que se encontra a 170 milhas náuticas (cerca de 315 quilômetros) ao sul de Mogadíscio (capital da Somália).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.