Nairóbi - O cargueiro Charelle, de propriedade alemã e bandeira de Antígua e Barbuda, foi sequestrado em frente à costa de Omã por piratas supostamente somalis, informou neste sábado a organização Ecoterra, com sede em Nairóbi e dedicada ao acompanhamento da pesca e navegação.

Segundo a Ecoterra, os piratas abordaram o navio na sexta-feira, a 60 milhas do litoral de Omã, país que ocupa o extremo sudeste da península Arábica, na primeira ação deste tipo confirmada nessas águas nos últimos anos.

Após o sequestro, o pequeno cargueiro, construído em 1985 e de 2.800 toneladas de peso bruto, se dirigiu à costa da Somália, assinalou a Ecoterra.

Segundo a organização, o cargueiro normalmente tem uma tripulação de nove pessoas, com nacionalidades de Fiji, Nova Zelândia e Sri Lanka.

Leia mais sobre: piratas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.