O governo venezuelano criticou nesta terça um recente informe oficial americano sobre o narcotráfico na Venezuela e enfatizou que a normalização de suas relações com Washington está condincionada ao cessar dessas práticas intoleráveis.

"Estes informes são ferramentas de chantagem política e carecem de objetividade científica e de seriedade metodológica e cujo fim é impulsionar as pretensões de interferência de Washington no resto do mundo", afirma um comunicado do Ministério das Relações Exteriores.

Um informe publicado pela agência de auditoria governamental americanas (GAO) afirma que o aumento do tráfico de drogas através da Venezuela e a permissividade desse país para com grupos armados ilegais são um obstáculo para a luta contra o tráfico de drogas dos Estados Unidos.

bl/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.