Capitão de navio liberado por piratas diz que foi pago resgate de US$ 1 milhão

O capitão do navio egípcio liberado semana passada depois de dois meses de sequestro por piratas somalis assegurou nesta sexta-feira que foi pago resgate de um milhão de dólares (775.000 euros).

AFP |

"O proprietário da embarcação, Abderrahman al-Awwa, negociou com os piratas, que pediram inicialmente seis milhões de dólares, mas finalmente fecharam com um milhão de dólares", disse Mahmud Swidan aos jornalistas em Mombaça.

O "MV Blue Star", com 6.000 toneladas de fertilizantes a bordo e 28 tripulantes egípcios, foi liberado no dia 4 de março, depois de capturado a 1 de janeiro no Golfo de Aden.

str-jmm/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG