Capitão americano sequestrado por piratas é libertado

NAIRÓBI - O capitão americano Richard Phillips, retido há cinco dias por piratas somalis em um bote salva-vidas no Oceano Índico, foi libertado e está são e salvo, anunciou neste domingo Laura Tischler, uma porta-voz do departamento de Estado.

Redação com AFP |


"Posso confirmar que o capitão Philipps foi recuperado são e salvo", declarou Tischler, sem especificar se a libertação do refém ocorreu após uma intervenção das forças americanas.

Citando oficiais americanos, a rede CNN informou que três piratas foram mortos e um quarto, preso.

Segundo a CNN, Phillips, que não foi ferido, se encontra neste momento a bordo do cruzador USS Bainbridge, um dos dois navios de guerra americanos presentes no local.

Rebocador italiano sequestrado

Piratas somalis levaram um rebocador italiano sequestrado com 16 tripulantes estrangeiros na costa do chifre da África, mas ainda não pediram resgate, informou um grupo marítimo regional neste domingo.

O barco foi confiscado no sábado no Golfo de Aden com 10 italianos, cinco romanos e um croata a bordo. "Ele foi apanhado na costa, mas nós não sabemos onde", disse Andrew Mwangura, da Associação dos Marinheiros do Leste da África, que localiza pirataria na região. "Eles não pediram qualquer resgate."

Oficiais da Otan em um navio de guerra português na região disseram que receberam uma ligação aflita do rebocador MV Buccaneer, mas perderam a comunicação minutos depois.

Piratas somalis, que conseguem milhões em resgates, intensificaram os ataques no Golfo do Aden e no Oceano Índico em março, após uma calmaria no início deste ano.

Leia mais sobre piratas

    Leia tudo sobre: piratas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG