Canadá registra 1ª morte potencialmente causada pela gripe

Toronto (Canadá), 8 mai (EFE).- Uma mulher canadense infectada com o vírus da gripe suína morreu na província de Alberta, mas as autoridades sanitárias ainda não confirmaram se o falecimento está relacionado com a infecção, disse hoje emissora pública de TV local CBC.

EFE |

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados.

O Canadá tem atualmente 214 casos da gripe suína, e este seria a primeira morte causada pelo novo vírus no país.

O secretismo das autoridades sanitárias de Alberta sobre a infecção da gripe está sendo criticado pelos partidos da oposição e a imprensa local, que acusam o Governo provincial de esconder informação.

O líder da oposição em Alberta, o liberal David Swann, acusou o Governo provincial de "manter o público desinformado".

Alberta é a única província canadense que tem um caso grave da gripe suína, do qual as autoridades só informaram mais de uma semana depois de ser detectado, e em princípio se negaram a fornecer detalhes sobre o paciente. EFE jcr/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG