Canadá detecta nova variante do vírus da gripe

Toronto (Canadá), 7 jul (EFE).- Dois trabalhadores de uma fazenda de porcos no Canadá estão infectados por uma nova variante do vírus da gripe suína, diferente do A(H1N1), informaram hoje as autoridades de saúde do país.

EFE |

As autoridades definiram o novo vírus, detectado na província (estado) de Saskatchewan, como "vírus não pandêmico da gripe suína".

A ministra da Saúde canadense, Leona Aglukkaq, disse por meio de um comunicado que o Governo está "trabalhando de forma estreita com a província de Saskatchewan para saber o máximo sobre esse novo vírus da gripe".

"Os resultados preliminares indicam que o risco para a saúde pública é reduzido e que os canadenses que foram vacinados contra a gripe regular devem ter algum tipo de imunidade contra esta nova cepa da gripe", acrescentou.

A responsável pela Saúde em Saskatchewan, Moira McKinnon, disse durante uma entrevista coletiva realizada hoje que os dois trabalhadores se recuperaram totalmente.

"Isto ocorre de vez em quando com os vírus da gripe, se misturam.

O mais normal é que não tenham as características que os permitirão continuar. No entanto, seremos muito cuidadosos e atentos" acrescentou McKinnon.

As autoridades médicas também estão investigando a possibilidade de que outro trabalhador tenha sido infectado com o novo vírus.

Há duas semanas, todos os três tiveram sintomas similares aos de uma leve gripe e nenhum viajou para fora do país.

O Canadá já soma 37 mortes relacionadas com a gripe e é o terceiro país do mundo com o maior número de casos confirmados da doença.

Apesar do nome, a gripe suína não apresenta risco de infecção por ingestão de carne de porco e derivados. EFE jcr/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG