Canadá anuncia morte de 2 soldados no Afeganistão

Toronto (Canadá), 2 ago (EFE).- O Canadá confirmou hoje que dois de seus soldados morreram no sábado enquanto patrulhavam a pé uma região a 15 quilômetros da cidade afega de Kandahar.

EFE |

As mortes elevaram para 127 o número de militares canadenses que perderam a vida no Afeganistão desde 2002.

A bomba que ontem matou os dois soldados canadenses deixou ferido outro militar do país.

O Ministério da Defesa canadense identificou um dos dois soldados mortos como o cabo Christian Bobbitt, de 23 anos. A identidade do segundo morto não foi revelada porque a família ainda não foi comunicada da morte dele.

O primeiro-ministro canadense, Stephen Harper, emitiu um comunicado no qual manifesta suas condolências às famílias dos mortos. Ele disse ainda que os militares do país enviados ao Afeganistão "protegem os canadenses", seus interesses e valores.

Segundo as autoridades militares do Canadá, o soldado ferido na explosão foi levado de helicóptero para o hospital instalado no aeroporto de Kandahar. O estado dele é estável.

A TV estatal do Canadá disse que os soldados morreram quando saíram do veículo em que estavam para inspecionar uma área onde antes havia explodido uma outra bomba.

O Canadá tem cerca de 2.500 soldados no Afeganistão. A maioria deles está na província de Kandahar. O Governo canadense já anunciou que tirará suas tropas do país em 2011, quando vence seu atual compromisso com a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

EFE jcr/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG