Campanha de Obama diz ter arrecadado US$21,9 milhões em maio

WASHINGTON (Reuters) - Barack Obama arrecadou 21,9 milhões de dólares em maio, informou a campanha dele na sexta-feira, um dia depois de o candidato democrata à Presidência dos Estados Unidos afirmar que rejeitaria financiamento público na corrida pela Casa Branca. A campanha do senador por Illinois afirmou ter 43,1 milhões de dólares no banco no fim do mês, com débitos de cerca de 304.000 dólares.

Reuters |

A revelação veio depois de Obama voltar atrás na questão de que aceitaria financiamento público, o que atraiu fortes críticas do seu oponente republicano, John McCain.

A campanha de McCain informou na sexta-feira ter arrecadado quase o mesmo em maio --21,5 milhões de dólares. Ele gastou 11,6 milhões e encerrou o mês devendo 1,27 milhão, com 31,5 milhões no banco --10 milhões a mais do que no fim de abril.

Durante as primárias, ele arrecadou 96 milhões de dólares.

O número de Obama para maio é menor do que os 30,7 milhões de dólares que ele arrecadou em abril. No fim daquele mês, ele tinha 46,6 milhões no banco, com 2 milhões em dívidas.

A campanha dele atingiu sucessivos recordes em uma campanha presidencial que será a mais cara na história dos EUA.

Obama é o primeiro candidato à Presidência dos EUA a abdicar do sistema de financiamento público desde ele ser criado, após o escândalo Watergate em meados dos anos 1970.

Leia mais sobre: eleições nos EUA

    Leia tudo sobre: eleições nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG