Câmera holandês é morto na Geórgia por bombardeio russo

Bruxelas, 12 ago (EFE).- Um jornalista holandês morreu hoje na Geórgia em conseqüência de um bombardeio russo à cidade de Gori (a cerca de 25 quilômetros da Ossétia do Sul), segundo informou a cadeia RTL Nieuws, para a qual trabalhava o profissional falecido.

EFE |

Stan Storimans morreu em um ataque no qual faleceram outras quatro pessoas, confirmou o canal de notícias em seu site.

O número de feridos ainda não é conhecido, mas entre eles figura o correspondente da "RTL Nieuws" Jeroen Akkermans, que cobria o conflito entre Rússia e Geórgia junto a Storimans.

Ao conhecer a notícia, a televisão holandesa suspendeu a apresentação de sua nova programação, prevista para esta manhã. EFE mvs/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG