Camboja propõe reunião urgente na Asean sobre gripe suína

Phnom Penh, 29 abr (EFE).- O primeiro-ministro do Camboja, Hun Sen, propôs hoje à Associação de Nações do Sudeste Asiático (Asean) uma reunião urgente para adotar medidas de prevenção conjuntas contra a gripe suína.

EFE |

"Os países da Asean devem realizar uma reunião urgente com a finalidade de estipular ações conjuntas para evitar que a gripe afete a região", disse Hun Sen.

O premiê advertiu que se o vírus chegar ao Sudeste Asiático, onde esporadicamente acontecem surtos da gripe aviária, será ainda mais difícil que as economias da região se recuperem de atual crise financeira global.

A Tailândia, que ocupa a Presidência rotativa da Asean, anunciou hoje a retirada da quarentena de uma suspeita de ser o primeiro caso de contágio de gripe suína na região, porque seus exames clínicos apresentaram resultado negativo.

Além de instalar detectores térmicos em seus aeroportos, os países da Asean possuem reservas de antivirais Tamiflu, armazenados por causa da propagação da gripe aviária pelo Sudeste Asiático.

A Asean é formada por Brunei, Mianmar (antiga Birmânia), Camboja, Filipinas, Indonésia, Laos, Malásia, Cingapura, Tailândia e Vietnã.

EFE jcp/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG