Camboja acusa Tailândia de ocupar outro templo na fronteira

Phnom Penh, 3 ago (EFE).- O Camboja denunciou hoje que tropas da Tailândia ocuparam outro lugar sagrado na fronteira entre ambos os países, enquanto persiste o desdobramento militar na disputa sobre a soberania do templo milenário de Preah Vihear.

EFE |

Um porta-voz dos guardas fronteiriços cambojanos assegurou que 70 soldados tailandeses estão destacados desde a última quinta-feira no complexo religioso de Ta Moan Thom, no nordeste do país. EFE jcp/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG