WASHINGTON (Reuters) - A Câmara dos Deputados dos Estados Unidos aprovou na quinta-feira um plano orçamentário de 3,45 trilhões de dólares, amplamente em linha com a proposta do presidente Barack Obama, após derrotar uma alternativa republicana que reduzia impostos e gastos. O Senado está trabalhando em seu próprio orçamento para o ano fiscal que começa em 1o de outubro e as diferenças, se existirem, terão de ser resolvidas. A legislação orçamentária não é de cumprimento obrigatório, mas estabelece linhas gerais para os gastos e medidas tributárias que serão analisadas ainda este ano.

(Reportagem de Jeremy Pelofsky e Richard Cowan)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.