Califórnia endurece lei para reduzir poluição em seu litoral

San Francisco, 25 jul (EFE).- As autoridades da Califórnia endureceram as normas para reduzir a poluição gerada pelo tráfego marítimo em nas costas do estado, antecipando-se a uma regra internacional que entrará em vigor em 2015.

EFE |

A regra, aprovada no final da noite de quinta-feira e citada hoje na edição eletrônica do jornal "Los Angeles Times", obrigará todos os cargueiros, petroleiros e navios de cruzeiro que transitem no litoral californiano a utilizar combustíveis mais limpos em seus motores.

A lei entrará em vigor no final do ano no caso dos motores auxiliares e em julho de 2009 para o resto, e será aplicada em um espaço marítimo de 25 milhas náuticas desde a costa.

Com a norma, a Califórnia tenta reduzir a poluição gerada pelas mais de 11 mil entradas e saídas anuais de navios em suas costas, um número que deve aumentar nos próximos anos.

Se não for feito nada para reduzir a poluição, os especialistas calcularam que as emissões poluentes no litoral dobrarão em 2020.

As companhias marítimas internacionais já protestaram pela nova norma, porque acham que as autoridades da Califórnia não têm jurisdição sobre assuntos que devem ser tratados sob leis internacionais.

Em 2006, as associações do setor já conseguiram paralisar em um tribunal federal uma lei similar que obrigaria os cargueiros a usar combustíveis mais limpos e mais caros em seus motores auxiliares.

EFE pg/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG