México, 25 abr (EFE).- O presidente mexicano, Felipe Calderón, anunciou hoje que, por decreto presidencial, assumiu todo o controle do estado de emergência de saúde vivido no México após o surto de gripe suína principalmente na região central do país.

"Hoje, publiquei no Diário Oficial da Federação um decreto por meio do qual o Executivo federal assume as faculdades e as atribuições que a Constituição Geral da República atribui ao presidente em casos de emergência como a que vivemos hoje", disse Calderón em comunicado oficial. EFE ea/bba

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.