Cai à metade número de internações na capital mexicana por gripe suína

As hospitalizações por casos suspeitos de gripe suína na Cidade do México na quarta-feira chegaram a 18, pouco menos da metade das 41 registradas na terça-feira, informou o secretário de Saúde da capital, Armando Ahued.

AFP |

"Atendemos ontem (quarta-feira) 194 pessoas com valorização de síndrome respiratória, das quais 18 foram hospitalizadas", afirmou o secretário ao lado do prefeito Marcelo Ebrard.

Na terça-feira haviam sido atendidas 346 pessoas, das quais 41 foram internadas, na capital mexicana, a cidade mais afetada pelo vírus.

No total continuam hospitalizadas na capital 115 pessoas, depois que 16 pessoas receberam alta na quarta-feira.

"Os números mostram que vamos para uma etapa de estabilização. Mas não devemos confiar demais porque amanhã, sábado e domingo vamos revisar os números", declarou Ebrard.

Na quarta-feira foram registradas cuas mortes prováveis pela gripe, contra uma de terça-feira, mas os casos não foram confirmados.

No total, Ahued disse que a Cidade do México teve 28 mortes, cinco delas confirmadas por laboratórios.

O governo federal afirma que em todo o país são oito mortes comprovadas pela epidemia. Quatro deles eram habitantes da capital.

gbv/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG