Cachorros matam bebê de três meses na Grã-Bretanha

Um bebê de três meses e meio morreu na madrugada deste sábado após um ataque de dois cachorros na cidade de Ystrad Mynach, no condado de Caerphilly, no sul de País de Gales. Vizinhos afirmam que o menino Jaden Meck estava na casa da avó, que tomava conta dele.

BBC Brasil |

Exames realizados no corpo do bebê na tarde deste sábado não indicaram a exata causa da morte, mas acredita-se que os ferimentos que levaram Jaden à morte tenham sido causados por dois cachorros que viviam na casa, das raças Jack Russell e Staffordshire bull terrier.

A polícia da cidade recebeu uma chamada por volta da 0h15, no horário local (22h15, horário de Brasília), dizendo que "uma criança pequena tinha sido atacada por um cachorro" e Jaden foi levado a um hospital a cerca de 20 quilômetros dali, onde foi declarado morto.

Policiais afirmaram que a "mulher adulta integrante da família" que cuidava de Jaden na hora da ocorrência foi levada ao hospital em estado de choque. Os pais de Jaden não estavam na casa no momento do ataque.

Os cães foram retirados da casa e a família decidiu de forma unânime sacrificar os animais.

Uma moradora da rua, Gail Jones, disse que voltava para a casa a pé quando ouviu uma mulher transtornada.

"Você vê essas histórias na televisão e não acha que elas podem acontecer na sua rua. É simplesmente muito trágico", disse Jones.

Outra vizinha, Heather Organ, disse que assistia à televisão quando ouviu "gritos".

"Parecia que alguém estava muito apavorado ou sendo atacado", afirmou Organ.

"Eu saí e vi meu vizinho, que bateu na porta e pediu para abrirem a porta. Quando a porta abriu, dois cachorros saíram correndo."
"Na hora eu não sabia o que tinha acontecido, então para evitar que os cachorros se machucassem eu apanhei o Jack Russell e afastei o outro da rua."
"Eu sei que as pessoas não podem provar nada mas neste momento tudo leva a crer que foi o cachorro", disse Organ.

Ela acredita que a avó tomava conta do bebê durante o fim-de-semana.

"Este é um trágico incidente para a família e a comunidade. A polícia e autoridades estão fornecendo apoio à família neste momento difícil e pede para ser deixada em paz em seu luto", afirmou o inspetor-chefe Jim Baker.

"Apesar de as circunstâncias exatas da morte do bebê ainda terem de ser determinadas, nós gostaríamos de reiterar o conselho dado a donos de cachorros para que eles não sejam deixados com crianças pequenas sem supervisão em nenhum momento", acrescentou o policial.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG