Tamanho do texto

WASHINGTON (Reuters) - Muitos norte-americanos estão ávidos por ouvir a opinião do presidente eleito, Barack Obama, sobre crise financeira e política externa, mas eles parecem ansiosos também para saber qual cachorro ele dará para suas filhas. A família Obama foi bombardeada com sugestões sobre a escolha do cachorro.

No discurso da vitória em Chicago na terça-feira à noite, Obama afirmou às filhas Malia, 10, e Sasha, 7: "Eu as amo mais do que vocês podem imaginar. E vocês ganharam o novo cachorrinho que virá conosco".

Na sexta-feira, na primeira entrevista coletiva de Obama como presidente eleito, a sétima pergunta foi que tipo de cachorro a família terá.

"A respeito do cachorro, este é um assunto importante. Acho que gerou mais interesse em nosso site do que qualquer coisa", afirmou Obama. "Temos dois critérios que precisam ser observados. Um é que Malia é alérgica, então tem que ser hipoalergênico. Há várias raças que são hipoalergênicas."

"Nossa preferência seria ter um cachorro abandonado, mas, obviamente, muitos cachorros abandonados são vira-latas como eu", comparou.

"Então se conseguirmos equilibrar essas duas coisas, acredito que seja um assunto urgente no lar Obama."

(Reportagem de Jeremy Pelofsky)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.