Bush propõe nome de Donley para cargo na Força Aérea dos EUA

Liubliana, 9 jun (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, George W.

EFE |

Bush, propôs hoje o nome do atual diretor de administração do Pentágono, Michael Donley, como novo secretário adjunto da Força Aérea, substituindo Michael Wynne que renunciou.

Em declarações a bordo do avião Air Force One, no qual Bush viajava para Liubliana para participar da cúpula anual UE-EUA, a porta-voz da Casa Branca, Dana Perino, explicou que Donley receberá o cargo desta pasta já de maneira provisória até que o Senado decida sobre sua confirmação.

Bush, segundo Perino, "tem confiança de que Donley conta com a experiência e o conhecimento necessários para garantir uma transição sem problemas na Força Aérea".

O Pentágono anunciou na semana passada a renúncia de Wynne e do chefe do Estado-Maior da Força Aérea, Michael Moseley, após uma série de problemas.

Em carta ao presidente, o secretário de Defesa, Robert Gates, propôs hoje a nomeação de Donley assim como o do general Norton Schwartz em substituição a Moseley.

Como explicou Perino, Donley conta com mais de 26 anos de experiência em segurança nacional, incluindo trabalhos no Senado, na Casa Branca e no Pentágono.

Donley, acrescentou a porta-voz, é "um especialista reconhecido na organização de segurança nacional, planejamento e orçamento" que anteriormente já serviu como secretário da Força Aérea adjunta para Gestão Financeira. EFE mv/bm/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG