Bush presta homenagem ao ex-porta-voz Tony Snow em funeral

Washington, 17 jul (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, George W.

EFE |

Bush, prestou hoje homenagem ao ex-porta-voz da Casa Branca Tony Snow, que morreu na semana passada devido a um câncer, sobre quem disse que "acumulou uma quantidade de conquistas insólita".

Bush assistiu hoje ao funeral de Snow, que morreu aos 53 anos, na Basílica Nacional da Imaculada Conceição, na Universidade Católica da América, em Washington, onde havia uma foto ampliada do ex-porta-voz.

"Lembraremos sempre seu ácido senso do humor e sua abundante bondade. Também lembraremos que era muito divertido", afirmou o presidente, que destacou também a faceta de Snow como jornalista.

O ex-porta-voz "entendia a profissão e sempre a tratou com respeito", disse Bush na cerimônia, com a presença também de correspondentes da Casa Branca, funcionários do Governo, parentes e amigos de Snow.

Snow trabalhava para o canal de televisão "Fox News" quando, em maio de 2006, recebeu a oferta de substituir Scott McClellan à frente do escritório de imprensa da Casa Branca.

O jornalista desempenhou o cargo por apenas 17 meses, devido à recorrência de um câncer de cólon que já tinha apresentado antes.

Em março de 2007, foi retirado um tumor cancerígeno da região abdominal e ele passou cinco semanas em recuperação, antes de voltar a seus trabalhos na Casa Branca.

Seis meses depois, em setembro de 2007, ele abandonou definitivamente o posto.

Snow, muito popular entre os correspondentes por sua simpatia e senso de humor, alegou que o motivo da saída não era a saúde ruim, mas a necessidade de ganhar mais dinheiro do que o Governo pagava.

Em abril deste ano, Snow se juntou à equipe da "CNN" como comentarista. EFE mv/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG