Bush preocupado com a situação na fronteira entre o Paquistão e o Afeganistão

O presidente George W. Bush se reúne nesta segunda-feira com o primeiro-ministro Paquistanês Yusuf Raza Gilani para discutir a estratégia antiterrorista de seu governo ou, como afirmam os especialistas, a ausência de um plano nesse sentido.

AFP |

Preocupado com a situação dos movimentos extremistas na fronteira paquistanesa-afegã, Bush fará desse tema o principal de sua agenda com Gilani, em sua primeira visita à Casa Branca desde que assumiu o cargo em março.

Gilani também deve se encontrar com o candidato democrata Barack Obama, que já ameaçou usar a força militar de maneira unilateral se Islamabad não agir contra a rede terrorista Al-Qaeda.

Especialistas afegãos e ocidentais afirmam que há algum tempo os talibãs e a al-Qaeda conseguiram se unir nas zonas tribais semiautônomas do Paquistão depois de terem sido expulsos do Afeganistão em 2001 pela coalizão liderada pelos Estados Unidos.

pp/chl/cn

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG