Bush pede mais liberdade na China

O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, expressou neste sábado confiança de que o futuro da China refletirá a aspiração universal da humanidade que, segundo ele, é a liberdade.

AFP |

"A China do futuro refletirá sua própria cultura e tradições, mas também refletirá a aspiração universal da humanidade, e não existe desejo humano mais profundo que a liberdade", disse Bush durante seu programa semanal de rádio.

"Somente a China pode decidir que caminho seguirá, mas sou otimista sobre as perspectivas", destacou o presidente americano, um dia depois de ter assistido a cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Pequim.

"Os jovens que crescem com liberdade em alguma parte de suas vidas, em última instância demandarão liberdade em outras áreas", acrescentou Bush.

O presidente dos Estados Unidos disse ter deixado claro aos líderes chineses que é necessário dar mais liberdade a seu povo para alcançar todo seu potencial como nação.

"Enfatizamos que ser um poder econômico global resulta no dever de atuar responsavelmente em assuntos que vão desde a energia ao meio ambiente e ao desenvolvimento da África", acrescentou Bush.

Leia mais sobre: Bush

    Leia tudo sobre: bush

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG