WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, pediu na sexta-feira que os líderes democratas na Câmara dos Deputados reconsiderem sua posição contrária ao Tratado de Livre Comércio com a Colômbia e o aprovem o mais rápido possível. A Câmara dos Deputados cometeu um erro sério na semana passada, ao votar pelo adiamento indefinido do pacto, disse Bush em um discurso para um grupo de empresários norte-americanos.

'Se essa decisão for mantida, matará o acordo e os donos dos pequenos negócios norte-americanos são os que mais sofrerão com isso', disse Bush.

(Por Doug Palmet)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.