Bush espera chegar a acordo com o Iraque para manter tropas

O presidente George W. Bush previu nesta quarta-feira que os Estados Unidos e as autoridades iraquianas conseguirão chegar a um acordo estratégico sobre a manutenção das tropas americanas no Iraque.

AFP |

"Acredito que conseguiremos um acordo estratégico com o Iraque. Há muitos boatos contraditórios de uma parte e outra", afirmou Bush depois de uma reunião com a chanceler alemã Angela Merkel no castelo de Meseberg, ao norte de Berlim, durante sua última viagem como presidente da Europa.

O governo iraquiano informou em 3 de junho que tem uma "visão diferente" da americana sobre a presença de tropas dos Estados Unidos no país depois de 2008 e se comprometeu a "preservar a soberania e os interesses" do Iraque.

No dia 31 de dezembro de 2008 expira o mandato da ONU que legaliza a presença militar dos Estados Unidos no Iraque. Os dois países estão negociando um novo acordo.

Bush, que deixará o poder em janeiro, disse ainda que não lamenta ter ordenado a invasão do Iraque em março de 2003.

"Eu não me arrependo em absoluto, destituir Saddam Hussein fez do mundo um lugar mais seguro", afirmou.

"Em minha função não se pode voltar atrás", acrescentou.

ok/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG