perícia de piloto que pousou avião em rio em Nova York - Mundo - iG" /

Bush elogia perícia de piloto que pousou avião em rio em Nova York

Washington, 15 jan (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, George W.

EFE |

Bush, elogiou a "perícia e o heroísmo" da tripulação do avião que hoje caiu no rio Hudson em Nova York, em um acidente no qual as 155 pessoas a bordo sobreviveram.

Em comunicado distribuído pela Casa Branca, Bush afirmou que supervisiona a situação e seu Governo se mantém em contato com as autoridades estaduais e locais para responder ao acidente.

Bush informou que ele e a esposa, Laura, se sentem "encorajados com a perícia e o heroísmo da tripulação, assim como a dedicação e a abnegação das equipes de emergência e dos voluntários que resgataram os passageiros das águas geladas do Hudson".

"Enviamos nossos pensamentos e nossas orações a todos os envolvidos no acidente", afirmou.

Um Airbus A-320 da US Airways, que tinha decolado do aeroporto nova-iorquino de LaGuardia com destino a Charlotte, Carolina do Norte, caiu hoje em águas do rio Hudson, no oeste de Manhattan, aparentemente devido à entrada de vários pássaros em seus motores.

"Foi um milagre. Evitou-se um acidente que potencialmente poderia ter sido muito trágico", disse o governador de Nova York, David Paterson, em uma entrevista coletiva junto ao prefeito da cidade, Michael Bloomberg, em um píer do rio próximo ao lugar do incidente.

O piloto, capitão CB "Sully" Sullenburger, se transformou em um herói aclamado, primeiro por todos os passageiros e depois por todos os que analisaram o acidente.

Segundo várias emissoras locais, o piloto teria notado o impacto dos pássaros no avião minutos após ter decolado e, após informar os passageiros, tentou aterrissar em uma área de Brooklyn, mas, ao ver que não chegaria, resolveu tentar pousar sobre as águas do rio. EFE mv/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG