Bush adverte Brown contra anúncio de um calendário de retirada do Iraque

Londres, 15 jun (EFE).- O presidente dos Estados Unidos, George Bush, chega hoje a Londres na última etapa de sua viagem de despedida pela Europa com uma advertência ao primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, contra o anúncio de um calendário para a retirada das tropas do Iraque.

EFE |

Em entrevista exclusiva à revista dominical britânica "The Observer", Bush revela que já manteve conversas com o "premier" sobre esse assunto e que espera voltar a tratá-lo durante sua estadia no Reino Unido.

Após reconhecer que ambos os países aliados querem obviamente trazer para casa suas tropas, o presidente americano, que só tem mais sete meses na Casa Branca, insistiu que isto só poderia ser feito "baseado no êxito" da operação.

Ao ser perguntado pela possibilidade de anunciar um calendário para grandes reduções de tropas, Bush disse: "Nossa resposta é: não deveria haver um calendário definitivo".

As declarações do presidente americano acontecem depois que na semana passada um relatório apontou a possibilidade de que o Reino Unido poderia anunciar uma retirada definitiva do Iraque para o final de ano.

O Reino Unido mantêm atualmente cerca de 4.000 militares destacados no Iraque, onde perderam a vida 176 soldados britânicos desde o início da invasão do país árabe por parte de uma coalizão liderada pelos EUA. EFE ep/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG