Burkina Fasso desmente soltura de italiana refém da Al Qaeda

Ouagadougou, 10 mar (EFE).- A italiana de origem burquinense Philomene Kaboure ainda não foi libertada e continua em poder do braço da Al Qaeda no Magrebe, informou à Agência Efe uma fonte da Presidência de Burkina Fasso.

EFE |

A trabalhadora humanitária Alicia Gámez, da Espanha, foi a única refém solta hoje pelos sequestradores no norte de Mali. EFE bo/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG