Bulgária retirará suas tropas do Iraque no final do ano

Sófia, 13 nov (EFE).- O Governo da Bulgária anunciou hoje que retirará seu contingente militar de 155 soldados do Iraque até o final do ano, anunciou o primeiro-ministro búlgaro, Serguei Stanishev.

EFE |

A decisão de retirada precisa ainda ser ratificada pelo Parlamento búlgaro, que no início de 2008 aprovou prolongar até 31 de dezembro a presença de soldados no país Iraque.

O contingente, inicialmente de 480 pessoas, veio sendo reduzido gradativamente desde agosto de 2003.

No Iraque, 13 soldados e seis civis búlgaros morreram.

O destacamento atual voltará a seu país entre 15 e 20 de dezembro", anunciou hoje, em entrevista coletiva, o ministro da Defesa búlgaro, Nikolay Tsonev.

Do Governo de Sófia, indicou-se que, nos cinco anos da missão búlgara no Iraque, as tropas trabalharam na reconstrução de até 97 infra-estruturas, como hospitais e estradas, no valor de US$ 2,67 milhões.

"Estimamos nossa presença no Iraque, mas nossa opinião é que já cumprimos totalmente nossa missão", disse o ministro de Exteriores búlgaro, Ivaylo Kalfin. EFE vp/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG