Brown prepara reforma no sistema eleitoral britânico

Londres, 9 jun (EFE).- O primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, vai propor amanhã uma reforma no sistema eleitoral britânico, numa tentativa de reativar a engrenagem política após os resultados negativos do Partido Trabalhista nas eleições locais e europeias.

EFE |

Segundo a "BBC", Brown quer mudar o atual mecanismo de escolha na Câmara dos Comuns, a partir do qual, em cada distrito uninominal, é eleito o candidato que obtém o maior número de votos (maioria simples e não absoluta).

Esta é a principal novidade na proposta do líder trabalhista, cujo Governo defende uma reforma institucional e constitucional mais ampla. Com as mudanças, Brown pretende limpar um sistema que se mostrou falho ao propiciar um escândalo de gastos excessivos envolvendo vários parlamentares.

A proposta inclui ainda uma reforma na Câmara dos Lordes, cuja renovação está atrelada a fatores hereditários e aristocráticos. A ideia, neste caso, é que, no futuro, os membros desta casa sejam parcial ou totalmente eleitos num pleito geral.

Para entrarem em vigor, estas reformas terão que ser aprovadas num plebiscito. De acordo com a "BBC", Brown expôs hoje o seu plano ao novo Executivo britânico, reformado nos últimos dias devido á renúncia de vários ministros.

Dentro do Governo, o pensamento é que o impacto dos recentes escândalos e dos maus resultados nas eleições será amortecido nos próximos meses com os primeiros indícios de recuperação econômica.

EFE fpb/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG