Brown devolve 180 libras ao Parlamento

Londres - O primeiro-ministro do Reino Unido, Gordon Brown, devolveu 180 libras (205 euros) ao Parlamento depois de um jornal o acusar de apresentar indevidamente contas elétricas e outras despesas para suas casas particulares.

EFE |

Segundo o jornal "The Daily Telegraph", algumas das contas correspondiam à casa que ele tem em sua circunscrição escocesa de Fife, que representa na Câmara dos Comuns.

Em setembro de 2006, Brown, então ministro das Finanças, mudou de casa em Londres e passou a viver em uma residência oficial em Downing Street, vizinha à ocupada pelo chefe do governo (Tony Blair na ocasião).

Segundo o diário britânico, Brown apresentou então diversas contas correspondentes tanto a sua casa particular de Londres como à de Fife, algo que o primeiro-ministro nega.

O chefe de governo explicou através de um porta-voz que tinha aceitado devolver esse dinheiro para evitar "qualquer sombra de dúvidas", mas assegurou seguir o tempo todo "as regras e os procedimentos" parlamentares para esse tipo de despesas, e de ter "apresentado desculpas por qualquer erro involuntário" que tivesse cometido.

"Se investigação (das despesas dos deputados ordenada pelo primeiro-ministro) demonstrar que é preciso fazer algum ajuste, ele fará", disse o porta-voz.

Leia mais sobre Gordon Brown

    Leia tudo sobre: gordon brown

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG