O primeiro-ministro Gordon Brown apresentou uma série de pontos acertados ao fim da reunião do GP, entre eles a publicação de uma lista de paraísos fiscales não cooperativos, outra de regras para limitar salários e bonificações de banqueiros, a injetação de cinco bilhões de dólares na economia antes do final de 2010 e a injeção por parte do FMI e de outras instituições de um bilhão de dólares na economia.

Os líderes do G20 também decidiram que vão se reunir novamente este ano para avaliar o desempenho do plano adotado hoje.

afp/cn

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.