Brown acusa países de tomar negociações de Copenhague como refém

O primeiro-ministro britânico, Gordon Brown, acusou nesta segunda-feira um grupo de países de ter tomado de refém as negociações sobre o clima na conferência de Copenhague, em uma mensagem divulgada por seu gabinete.

AFP |

Brown advertiu em seu podcast, que deve ser liberado durante o dia, que é preciso aprender as lições de Copenhague e das duras negociações que aconteceram na capital da Dinamarca.

"Nunca mais deveríamos enfrentar o ponto morto que ameaçou levar ao fracasso estas negociações", declarou o premier britânico.

"Nunca mais deveríamos deixar que apenas um pequeno grupo de países tomem como refém um acordo global para um futuro mais verde verde", completou, sem mencionar especificamente os países.

No domingo, o ministro britânico do Meio Ambiente, Ed Miliband, acusou diretamente a China de bloquear todas as tentativas de dar força legal ao acordo.

ra/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG