assinada da H M - Mundo - iG" /

Britânico Matthew Williamson lança nova coleção assinada da H M

Nova York, 28 abr (EFE).- O estilista britânico Matthew Williamson foi o escolhido para assinar a nova coleção de verão da rede sueca de moda barata e descartável H&M, trabalho que marcará sua estreia no design de roupas para todos os bolsos e também para o público masculino.

EFE |

"Todo mundo quer roupa de qualidade, bem-feita e a bom preço, e também sentir que pagou um preço justo pelos modelos que comprou", disse Williamson à Agência Efe antes de, nesta terça-feira, lançar em Nova York a segunda metade de sua coleção, que no dia 14 de maio chegará inegralmente às cerca de 1.600 lojas da H&M.

Williamson, como já fizeram a inglesa Stella McCarthy, os holandeses Viktor & Rolf e a grife Comme des Garçons, do japonês Rei Kawakubo, segue assim o caminho aberto em 2004 pelo alemão Karl Lagerfeld, ao se deixar seduzir pela chamada moda rápida que a H&M vende.

"A coleção está cheia de cor e otimismo, e isso é o que todo mundo busca no momento. As pessoas querem encontrar pequenas joias.

Portanto, este momento de crise é o melhor para apresentá-la", disse o estilista, que se disse "muito feliz" com mais este passo em sua carreira.

Os modelos que Williamson escolheu apresentar hoje em Nova York integram a segunda parte da linha desenvolvida pelo britânico para a H&M. A primeira leva de roupas, mais urbana e só para mulheres, chegou a cerca de 200 lojas na semana passada.

O desenhista optou por uma coleção de tecidos leves, composta por vestidos longos e vaporosos, e também por blusões e túnicas de cores quentes.

"Esta coleção está inspirada nas férias de verão, no guarda-roupa perfeito que uma pessoa gostaria de colocar na mala se saísse de férias", disse o britânico, que pela primeira vez em sua carreira criou roupas para o público masculino.

"Pensei num homem jovem, que gosta de ousadia, não quer desenhos monocromáticos e deseja ser reconhecido pelo que veste", disse o estilista sobre o desafio.

"A linha masculina está inspirada em meu próprio armário. Traz coisas que gosto de vestir. Tirei a ideia do que um jovem inglês vestiria se viajasse para Cuba, o que confere um toque étnico à coleção", explicou o criador, que durante a entrevista à Efe vestia suas próprias criações para a H&M. EFE dvg/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG