Britânico é acusado de matar estudantes franceses com 243 punhaladas

Londres, 9 jul (EFE) - Um homem foi acusado hoje como suposto autor do brutal assassinato de dois estudantes franceses, que receberam mais de 243 punhaladas, em um crime cometido no final de junho em um apartamento de Londres, informou a Polícia britânica.

EFE |

O suposto assassino seria Nigel Edwards Farmer, um desempregado de 33 anos e sem residência fixa que foi detido na segunda-feira após se entregar em uma delegacia do sul da capital britânica.

Os corpos dos franceses Laurent Bonomo e Gabriel Ferez, ambos de 23 anos, foram encontrados em um apartamento do bairro de New Cross, no sudeste de Londres, em 29 de junho.

Segundo a Scotland Yard, os jovens sofreram um total de 243 punhaladas no peito, no pescoço e na cabeça e, depois, o assassino ateou fogo aos corpos.

Edwards, que comparecerá nesta quinta-feira perante o Tribunal de Greenwich (sudeste de Londres), também é acusado de provocar um incêndio e de tentar obstruir o curso da Justiça.

Após ser detido, o suposto responsável pelo crime teve que receber, sob vigilância policial, ajuda em um hospital devido à gravidade das queimaduras que apresentava nas mãos e nos braços.

Outro suspeito do caso, um jovem de 21 anos detido no sábado, foi liberado sem acusações no dia seguinte.

De acordo com a Scotland Yard, um laptop tinha sido roubado da casa na qual os estudantes moravam dias antes do assassinato, apesar de não se saber se isso pode ter relação com o brutal assassinato.

Após o crime, que comoveu o Reino Unido e a França, os detetives não encontraram sinal de que alguém tenha forçado a porta do apartamento, o que faz os agentes acreditarem que o ladrão também deve ter roubado as chaves do imóvel.

No domingo passado, os pais de Gabriel Ferez, Françoise e Olivier Ferez pediram ajuda à população britânica para deter o responsável do crime e fazer justiça.

Bonomo e Ferez, estudantes de bioquímica na França, chegaram a Londres para cursar durante três meses estudos de genética no Imperial College.

Os dois jovens chegaram à capital britânica no começo de maio e voltariam à França este mês. EFE pa/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG