Bremen e Panathinaikos duelam em busca de 1ª vitória na Liga dos Campeões

Redação Central, 3 nov (EFE).- O Werder Bremen recebe o Panathinaikos nesta quarta-feira, às 17h45 de Brasília, no Weserstadion, pelo grupo B da Liga dos Campeões, numa partida entre duas equipes que buscam a primeira vitória nesta fase, o que poderá mantê-las na briga pela vaga nas oitavas-de-final.

EFE |

No primeiro confronto entre as duas equipes, na última rodada, houve empate em 2 a 2, em Atenas. O resultado foi ruim para gregos e alemães, que seguem sem vencer na competição.

O Werder, que empatou seus três jogos, contará mais uma vez com o zagueiro brasileiro Naldo, único atleta do elenco a disputar integralmente todas as partidas da equipe na temporada.

Recuperado de problemas musculares, o meia Diego é novamente a esperança do time alemão para a partida em casa. A equipe de Bremen vem de uma goleada de 5 a 1 sobre o Hertha Berlim pelo Campeonato Alemão.

Com apenas um ponto nas três partidas pela fase de grupos da Liga dos Campeões, o Panathinaikos precisa muito da vitória, já que um resultado ruim pode eliminar o time até da briga pela vaga na Copa da Uefa.

A passagem do lateral-direito brasileiro Gabriel para o meio-campo melhorou o potencial ofensivo da equipe e é uma das armas do Panathinaikos na Alemanha.

"Precisamos de uma vitória sobre o Werder de qualquer jeito.

Vamos partir para cima do adversário, mesmo fora de casa. Essa deve ser nossa postura para continuar na luta para garantir vaga nas oitavas da Liga dos Campeões", afirmou o ex-jogador de São Paulo e Fluminense.

Gabriel disse que está à vontade no meio-campo, posição pela qual iniciou a carreira.

"Estou me sentindo muito à vontade no meio-de-campo e tudo está dando certo, já que marquei dois gols nas últimas partidas. Espero ter condições de ajudar nesse jogo tão importante", afirmou.

No entanto, o time grego tem desfalques: o atacante Souza, ex-Flamengo, se recupera de lesão e não foi relacionado para a partida, assim como o meia austríaco Andreas Ivanschitz - chamado de "Beckham austríaco".

O volante brasileiro Gilberto Silva disse aos jornalistas que será "um jogo muito difícil", mas afirmou que a equipe está "muito bem preparada".

"Confio muito na equipe e estou convencido de que no final voltaremos a Atenas com a vitória", disse jogador da seleção brasileira.

Prováveis escalações:.

Werder Bremen: Wiese; Prödl, Mertesacker, Naldo e Pasanen; Baumann, Özil, Hunt (Vranjes) e Diego; Pizarro e Rosenberg. Técnico: Thomas Schaaf.

Panathinaikos: Galinovic; Spyropoulos, Simão, Sarriegi e Vyntra; Karagounis, Gilberto Silva, Nilsson e Gabriel; Mantzios e Salpingidis. Técnico: Henk Ten Cate.

Árbitro: Viktor Kassai (HUN), auxiliado por seus compatriotas Gabor Eros e Tibor Vamos. EFE ev/plc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG