Brasileiros são detidos na Bolívia por desmatamento

Vários cidadãos brasileiros foram presos no departamento amazônico de Pando, no extremo norte da Bolívia, acusados de desmatamento ilegal, informou nesta segunda-feira o vice-ministro de Terras, Alejandro Almaraz.

AFP |

"Há vários brasileiros detidos, além de um engenheiro boliviano", revelou o vice-ministro, enquanto a TV local indicava que quatro estrangeiros foram presos na quinta-feira passada e levados para Cobija, capital de Pando.

Almaraz disse que as autoridades "encontraram 10 hectares desmatados e uma serralheria, o que caracteriza atividades absolutamente ilegais e clandestinas, violando a soberania territorial do Estado boliviano, pois tudo era operado por cidadãos brasileiros".

O grupo foi detido no município de Santa Rosa del Abuná, na zona da fronteira com o Brasil, explicou Almaraz.

A lei boliviana prevê pena de três meses a dois anos de prisão para o crime ambiental.

jac/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG