Brasil passa fácil pela França na Liga Mundial de vôlei

Redação Central, 13 jun (EFE).- A seleção brasileira masculina de vôlei venceu com facilidade a França pela Liga Mundial de vôlei por 3 sets a 0, parciais de 25/17, 25/21 e 25/19, com uma grande exibição no Mineirinho, em Belo Horizonte.

EFE |

O Brasil começou arrasador em todos os fundamentos, principalmente no bloqueio. Foram três pontos assim no início do set. E logo no primeiro tempo técnico, a seleção já vencia os franceses por 8 a 3.

Cometendo muitos erros, a França sequer ameaçou. Com Giba, Rodrigão - que voltava à equipe -, Serginho e André Nascimento inspirados, o Brasil ampliou ainda mais a vantagem e fechou o primeiro set em 25 a 17.

No segundo set, o panorama da partida não mudou. O Brasil manteve seu nível de atuação e abriu 11 a 7 no placar. No entanto, a partir desse momento, a França conseguiu reagir e, pela primeira vez no jogo, passa à frente no marcador.

O mau momento do Brasil e a virada francesa para 12 a 11 fizeram o técnico Bernardinho pedir tempo. Na volta à quadra, a seleção reequilibra o confronto e logo retoma a dianteira no placar com 15 a 14, em forte ataque de Dante.

Após mais alguns erros, o Brasil se reencontra e consegue abrir vantagem, para fechar o segundo set em 25 a 21, com mais um ponto de Dante.

No terceiro set, o bloqueio brasileiro continua funcionando e o time novamente se distancia no placar, ao abrir 4 pontos de vantagem, quando Giba faz 8 a 4 para a seleção. No segundo tempo técnico, a vantagem era ainda maior, em 16 a 10.

Com o match point, quando vencia por 24 a 16, o Brasil relaxa e permite uma pequena reação francesa, que faz três pontos seguidos.

No entanto, era o dia do Brasil e de Rodrigão, que fechou o jogo em jogada pelo meio, em 25 a 16.

Assim como na partida deste sábado, Dante foi o maior pontuador no confronto de hoje contra a França.

Na próxima sexta e sábado, a seleção brasileira enfrenta a Venezuela e encerra sua participação na primeira fase da Liga Mundial.

O Brasil lidera o grupo A com 18 pontos, mas, por ser o país-sede da etapa final da competição, já está classificado para próxima fase, que será disputada no ginásio do Maracanãzinho, no Rio de Janeiro.

- Ficha Técnica: 3 - Brasil: Equipe inicial - André Nascimento, Gustavo, Rodrigão, Giba, Dante, Marcelinho. Entraram - Serginho (líbero), Bruninho e Anderson.

0 - França: Equipe incial - Pierre Pujol, Jean-Philippe Sol, Samuel Tuia, Stéphane Tolar, Marien Moreau, Guillaume Samica.

Entraram - Edouard Rowlandson (líbero), Gerald Hardy Dessources, Emmanuel Ragondet, Loic Le Marrec e Nicolás Marechal.

Parciais: 25-17 (19 minutos), 25-21 (24 minutos) e 25-19 (21 minutos).

Árbitro: Guido Notaerts (Bélgica).

Local: Partida disputada no Mineirinho, em Belo Horizonte, com 18 mil espectadores. EFE rb/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG