Brasil expressa repúdio ao terrorismo após atentados em Moscou

São Paulo, 29 mar (EFE).- O Governo brasileiro expressou hoje seu repúdio ao terrorismo após os atentados cometidos no metrô de Moscou, que deixaram pelo menos 38 mortos e 72 feridos.

EFE |

Em uma nota oficial do Ministério das Relações Exteriores, o Governo expressa seu "pesar" pelos atentados e manifesta que reitera seu "repúdio a todas as formas de terrorismo", além de enviar as "mais sinceras condolências" e oferecer sua "solidariedade às famílias das vítimas e ao Governo" da Rússia.

O Serviço Federal de Segurança russo (FSB) atribuiu o ataque cometido por mulheres suicidas a "grupos terroristas" do norte do Cáucaso.

Mulheres terroristas suicidas já cometeram atentados em Moscou em outras ocasiões. Elas são conhecidas como "viúvas negras" porque vestem roupas de luto e geralmente são esposas de guerrilheiros islâmicos abatidos pelos serviços secretos russos.

Os atentados ocorreram em plena hora do rush, quando o metrô de Moscou transportava milhões de pessoas. EFE wgm/bba

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG