Brasil é prata com derrota em decisão no vôlei de praia

O Brasil colocou duas duplas no pódio do vôlei de praia masculino na Olimpíada de Pequim, mas terminou sem a medalha de ouro na competição. Na decisão do torneio, os brasileiros Márcio e Fábio Luiz foram derrotados pelos americanos Phil Dalhausser e Todd Rogers por 2 sets a 1 (23/21, 17/21 e 15/4) e ficaram com a prata.

BBC Brasil |

"Hoje, perdemos o ouro. Dois dias atrás, ganhamos a prata", afirmou Márcio, após a derrota. "Não é para se conformar, mas tem que se contentar."
"Fico feliz pela prata conquistada pelo Brasil, mas triste pelo resultado pessoal", acrescentou Fábio Luiz.

A medalha de bronze foi para a outra dupla do Brasil no torneio, formada por Ricardo e Emanuel. O quarto lugar ainda ficou com os paraibanos Renato Gomes e Jorge Terceiro, que disputaram a Olimpíada pela Geórgia.

Bloqueio americano
Márcio e Fábio Luiz começaram bem na disputa pelo ouro. A dupla americana forçava o saque em Fábio Luiz, mas o brasileiro conseguia pontuar na maioria dos ataques.

Na metade final do primeiro set, no entanto, o bloqueio de Dalhausser começou a funcionar, os americanos assumiram a ponta no placar e conseguiram abrir um set de vantagem.

"O Fábio tentou de tudo, atacar na diagonal, no meio", avaliou Márcio, ao final da partida. "O Dalhausser foi muito feliz e conseguiu ler bem as jogadas."
A partida prosseguiu muito equilibrada no set seguinte. Desta vez, os americanos começaram melhor, mas a dupla brasileira se recuperou e empatou a partida.

No set decisivo, Dalhausser voltou a conseguir pontos importantes no bloqueio. Os brasileiros sentiram o golpe, cometeram uma série de erros e cederam a vitória para a dupla americana.

"Começamos bem o jogo, mas eles reagiram", lamentou Fábio. "Alternamos momentos bons e momentos difíceis e, no final, eles souberam aproveitar as chances que demos."
"Faltou saber administrar o terceiro set", completou Márcio. "Não tivemos segurança nem cabeça. Não sei dizer o que aconteceu."
Pior resultado
Com os resultados, o Brasil acumula nove medalhas olímpicas no vôlei de praia: duas em Atlanta-1996 (ouro e prata), três em Sydney-2000 (duas pratas e um bronze), duas em Atenas-2004 (ouro e prata) e mais duas agora em Pequim.

Apenas o iatismo, o judô, o atletismo e a natação deram mais medalhas ao Brasil nos Jogos Olímpicos.

O resultado de Pequim é, no entanto, o pior do vôlei de praia brasileiro desde que o esporte passou a ser disputado nas Olimpíadas, em Atlanta, em 1996.

Pela primeira vez, o Brasil não colocou uma dupla no pódio na disputa feminina. No torneio masculino, apesar de ter ocupado pela primeira vez dois lugares entre os três primeiros, o país não conseguiu repetir o ouro conquistado em Atenas.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG