Brasil e França intensificam buscas por destroços de Aribus da Air France

O Estado-Maior francês anunciou nesta quarta-feira que não existem dúvidas de que os destroços encontrados no Atlântico são do Airbus da Air France que voava entre o Rio de Janeiro e Paris com 228 pessoas a bordo, ao mesmo tempo que a Força Aérea Brasileira (FAB) intensifica as operações de busca que permitirão esclarecer o misterioso desaparecimento.

AFP |

"Mesmo sem uma confirmação formal, recuperando algum dos destroços e efetuando uma análise técnica, já não há dúvidas de que se trata do A330 da Air France", afirmou o capitão Christophe Prazuck, do Estado-Maior francês.

Segundo Prazuck, uma aeronave francesa de patrulha marítima, o Atlantique 2, sobrevoou nas últimas horas a zona onde a FAB localizou na terça-feira os vestígios do A330 da Air France.

Na madrugada desta quarta-feira, a FAB deu prosseguimento às intensas operações de busca dos destroços do avião. Em Paris se espera que a companhia aérea divulgue a lista oficial das 228 pessoas a bordo - 216 passageiros e 12 tripulantes.

Os fragmentos encontrados na tarde de terça-feira são do avião, afirmou na terça-feira o ministro da Defesa, Nelson Jobim, em uma entrevista coletiva no Rio de Janeiro, cidade de onde decolou o voo AF 447 com destino a Paris.

Os aviões brasileiros detectaram uma faixa de cinco quilômetros de vestígios de avião a pouco mais de 1.000 km da costa brasileira.

afp/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG