Brasil apóia solução negociada por ilhas entre Irã e Emirados

Abu Dhabi, 27 out (EFE).- O embaixador Arnaldo Carvalho, representando o Governo brasileiro, apoiou hoje uma solução negociada na disputa entre Emirados Árabes Unidos e Irã pela soberania de três ilhas estratégicas do Golfo Pérsico, atualmente sob controle de Teerã.

EFE |

"O Brasil está a favor de uma solução negociada no tema por meios diplomáticos ou que o assunto seja levado à Corte Internacional de Justiça", disse à agência Efe o embaixador plenipotenciário.

Carvalho chegou a Abu Dhabi após assistir em Doha, capital do Catar, a uma reunião preparatória da cúpula entre América do Sul e Países Árabes (Aspa) que será realizada em 1º de abril de 2009 na capital catariana.

As autoridades emiradas decidiram levar até o Tribunal Internacional de Haia a disputa que mantêm com o Irã pelas ilhas Tonb Maior, Tonb Menor e Abu Moussa, na entrada do Golfo Pérsico.

As três ilhas, situadas sobre uma das maiores reservas de gás da região e em uma zona de importância estratégica para a navegação pelo Pérsico, foram ocupadas em 1971 pelo Irã, depois de o Reino Unido abandonar a região.

Teerã e Emirados Árabes Unidos haviam aceitado que, após um período de administração conjunta, as três ilhas ficariam sob controle emirado.

Carvalho disse que o Brasil espera que os Governos de Irã e Emirados mantenham boas relações e fez uma chamada para "alcançar uma solução justa e pacífica por meio da diplomacia e das negociações".

Além disso, o diplomata brasileiro chamou Israel para que se retire dos territórios palestinos ocupados e que aceite as resoluções do Conselho de Segurança da ONU em tal sentido. EFE mmy/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG